Agora você pode Hackear Telegram!

Entre na conta do Telegram:
Avatar
Aguardando informa√ß√Ķes ...
0%
Ocultar

| 

Hackear Telegram

Hackear Telegram

Imagens de explicação

Passos hackearsociais.com Telegram 1
ūüďĪ Explica√ß√£o de como hackear o Telegram a partir de um telem√≥vel
  • 1ÔłŹ‚É£Copiar a hiperliga√ß√£o no perfil da pessoa que pretende piratear
  • 2ÔłŹ‚É£Vai a https://hackearsociais.com/telegram/
  • 3ÔłŹ‚É£Colar a hiperliga√ß√£o no campo de texto principal
  • 4ÔłŹ‚É£Em seguida, clique em "Hack".
Passos hackearsociais.com Telegram 2
ūüíĽ Explica√ß√£o de como hackear o Telegram a partir de um PC
  • 1ÔłŹ‚É£Copie a liga√ß√£o para o perfil da pessoa que pretende piratear
  • 2ÔłŹ‚É£Vai a https://hackearsociais.com/telegram/
  • 3ÔłŹ‚É£Colar a hiperliga√ß√£o no campo de texto principal
  • 4ÔłŹ‚É£Em seguida, clique em "Hack".

O Telegram √© uma das maiores plataformas de comunica√ß√£o de massa do mundo. Gra√ßas aos seus excelentes recursos, muitas pessoas o utilizam. Descubra como voc√™ pode entrar em uma conta do Telegram de forma an√īnima e com recursos ao seu alcance.

Como hackear o Telegram

Existem métodos que você pode usar de forma muito simples, sem seguir passos complicados ou ter conhecimento deles. Se você deseja fazer login em uma conta do Telegram ou em qualquer rede social em alguns minutos, hackearsociais.com é a melhor opção.

Métodos 2024 para hackear o Telegram

Em 2024, novas ferramentas da web poder√£o lhe dar acesso a muitas contas de m√≠dia social que voc√™ desejar. Ensinaremos como aproveitar todas as automa√ß√Ķes que elementos como navegadores, Wi-Fi, intelig√™ncia artificial e muito mais possuem.

Hackear Telegram com Hack-pt.net

Uma plataforma que certamente será capaz de lhe proporcionar uma experiência de hacking imediata é o Hack-pt.net. A partir deste site você pode criar qualquer página, aplicativos e logins legítimos para persuadir sua vítima e obter acesso total ao Telegram

Para isso você deve seguir estes passos simples:

  1. Digitar hack-pt.net/ para iniciar o processo de hacking
  2. Salve o identificador como sua senha secreta. Desta forma, você poderá acessá-lo novamente assim que a vítima inserir seus dados.
  3. Selecione a opção Blogger e escolha o link que melhor se adapta às suas preferências.
  4. Selecione a p√°gina de destino do link
  5. Insira a data de expiração do link
  6. Clique no bot√£o ‚ÄúCriar‚ÄĚ e aguarde o link ser gerado
  7. Envie o link para as pessoas que você deseja hackear e aguarde a interação delas.
  8. Quando a vítima clica no link, ela insere seus dados de login na página da armadilha.
  9. Encontre as senhas coletadas na se√ß√£o ‚ÄúDados adquiridos‚ÄĚ

Hackear Telegram com Keylogger

Um keylogger √© um software malicioso que registra todas as teclas digitadas no seu dispositivo. Isso inclui tudo, desde as senhas inseridas at√© as mensagens enviadas. Se um invasor instalar um keylogger em seu dispositivo, ele poder√° acessar todas essas informa√ß√Ķes, incluindo sua senha do Telegram.

  1. Prossiga com o download do keylogger, recomendamos usar keylogger.shop
  2. Instale-o no dispositivo da vítima. Você pode fazer isso remotamente ou pessoalmente.
  3. Execute o keylogger em segundo plano. O keylogger deve ser executado em segundo plano para registrar as teclas digitadas pela vítima.
  4. Aguarde a vítima inserir a senha do Telegram. Quando a vítima digita sua senha, o keylogger irá gravá-la.
  5. Recupere a senha cadastrada. Depois que a vítima inserir sua senha, você poderá recuperá-la no keylogger

Hackear o Telegram com senhas salvas do navegador

Para hackear o Telegram com senhas salvas do navegador, você pode usar um programa de recuperação de senha ou as credenciais salvas pelo navegador. Assim que o arquivo de senha for encontrado, ele poderá ser usado para obter acesso ao Telegram.

ūüėą Voc√™ tamb√©m pode hackear o Telegram acessando a pasta de credenciais armazenada pelo navegador:

  • Acesse o dispositivo da pessoa que voc√™ deseja hackear e v√° at√© o navegador
  • Localize a se√ß√£o de senhas salvas. A localiza√ß√£o desta se√ß√£o pode variar dependendo do navegador que a v√≠tima usa.
  • Encontre a senha do Telegram. Depois de localizar a se√ß√£o de senhas salvas, procure a senha do Telegram.
  • Copie a senha. Depois de encontrar a senha do Telegram, voc√™ pode copi√°-la para us√°-la para acessar a conta.

Uma opção muito popular é entrar no Gerenciador de senhas e explore até encontrar as credenciais do Telegram.

Hackear Telegram a partir do registro de navegação Wifi

Para hackear redes Wi-Fi, o invasor se coloca entre o dispositivo da vítima e o servidor do Telegram. Isso pode ser feito colocando um dispositivo malicioso na mesma rede Wi-Fi da vítima ou usando um ataque de injeção de pacotes.

Uma vez que o invasor esteja na posição de intermediário, ele pode interceptar todos os dados transmitidos entre o dispositivo da vítima e o servidor do Telegram. Isso inclui mensagens, arquivos e dados de login.

Hackear Telegram com FraudGPT

FraudGTP √© uma ferramenta de intelig√™ncia artificial que pode gerar e-mails de phishing, quebrar senhas e cometer fraudes de cart√£o de cr√©dito. √Č vendido online desde julho de 2024 e rapidamente se tornou uma grande amea√ßa √† seguran√ßa cibern√©tica.

Os cibercriminosos podem usar o FraudGTP para invadir o Telegram de várias maneiras. Uma maneira é enviar um e-mail de phishing que pareça ter sido enviado de uma fonte legítima, como um banco ou empresa de serviços.

Espionar o Telegram a partir do Histórico do navegador

O registro do navegador é um recurso que registra todas as páginas da web que um usuário visitou, junto com outros dados, como arquivos baixados e cookies. Este log pode ser usado para espionar uma conta do Telegram, pois pode mostrar as conversas que o usuário teve, os grupos aos quais pertence e os arquivos que compartilhou.

Para espionar o Telegram a partir do log do navegador, é necessário acesso físico ao dispositivo do usuário. Depois de ter acesso, você pode seguir estas etapas:

  1. Abra o navegador normal do usu√°rio.
  2. Encontre o menu de registro do navegador. No Chrome, o log pode ser acessado pressionando Ctrl + H.
  3. Verifique o log em busca de entradas relacionadas ao Telegram.
  4. Se você encontrar uma entrada que lhe interessa, clique nela para abri-la

Espionar o Telegram com Atividade do Google

Minha atividade do Google √© um recurso que coleta informa√ß√Ķes sobre os aplicativos que voc√™ usa, os sites que voc√™ visita e as pesquisas que voc√™ realiza. Essas informa√ß√Ķes podem ser usadas para melhorar os produtos e servi√ßos do Google, mas tamb√©m podem ser usadas por terceiros para espionar voc√™.

Para espionar seu Telegram a partir da atividade do Google, um terceiro precisaria ter acesso √† sua conta do Google. Isso pode ser feito se sua senha for roubada ou se seu dispositivo estiver infectado por malware. Assim que tiverem acesso √† sua conta, eles poder√£o ver todas as informa√ß√Ķes que voc√™ coletou nas atividades do Google, incluindo suas atividades no Telegram.

Espionar o Telegram com localização na Linha cronológica do Google

A função de Linha cronológica do Google mostra exatamente os lugares que as pessoas frequentam em tempo real.

O primeiro passo é acessar o dispositivo da vítima. Isso pode ser feito se você tiver acesso físico ao dispositivo ou se souber as credenciais de login da vítima. Depois de ter acesso ao dispositivo, abra o Google Maps e faça o seguinte

  1. Clique no √≠cone mais op√ß√Ķes.
  2. Toque na opção compartilhar minha localização em tempo real.
  3. Escolha por quanto tempo você deseja compartilhar sua localização em tempo real.
  4. Envie este link para o seu dispositivo.
  5. Desative as notifica√ß√Ķes do Google Maps para que a pessoa a ser espionada n√£o saiba que voc√™ est√° compartilhando sua localiza√ß√£o em tempo real.

Espionar o Telegram com Localizar o telemóvel

Ferramentas de localiza√ß√£o como "Localizar o telem√≥vel" podem ser usadas para espionar uma conta do Telegram. Este m√©todo baseia-se no aproveitamento das informa√ß√Ķes que o Google possui sobre qualquer dispositivo, inclusive o Telegram.

  • O primeiro passo √© acessar a conta Google da v√≠tima. Isso pode ser feito se voc√™ tiver acesso ao seu dispositivo ou se souber suas credenciais de login
  • Depois de ter acesso √† sua conta do Google, v√° para Localizar o telem√≥vel

Use um ataque de força bruta

Um terceiro método é usar um ataque de força bruta para adivinhar as credenciais login da vítima. Depois de ter uma lista de senhas, você pode usar um software de ataque de força bruta para testar todas elas na conta do Telegram da vítima.

Que outras maneiras existem de hackear o Telegram?

Além dos métodos mencionados acima, existem outros métodos mais avançados e sofisticados para hackear o Telegram. Estes métodos exigem um elevado nível de conhecimento e experiência em segurança cibernética, bem como acesso a recursos especializados.

Hackear o Telegram com Malware

A engenharia social √© uma t√©cnica baseada na manipula√ß√£o de pessoas para que revelem informa√ß√Ķes confidenciais. Os cibercriminosos podem usar engenharia social para obter as credenciais de login dos usu√°rios do Telegram ou para instalar malware em seus dispositivos.

Hackear o Telegram com Inteligência Artificial

No caso do Telegram, os cibercriminosos podem usar IA para:

  • Gere malware personalizado que √© mais dif√≠cil de detectar e remover.
  • Automatize tarefas de hacking, como verifica√ß√£o de vulnerabilidades e explora√ß√£o de falhas.
  • Desenvolva ataques direcionados a usu√°rios espec√≠ficos.

Hackear o Telegram com o prompt de comando do Windows

O Prompt de Comando do Windows (CMD) é uma ferramenta de linha de comando usada para executar comandos do Windows. Os cibercriminosos podem usar o CMD para executar comandos que lhes permitem:

  • Obtenha acesso aos arquivos e pastas do sistema.
  • Execute programas maliciosos.
  • Modifique o registro do Windows.

Hackear o Telegram com Trojans

Trojans s√£o um tipo de malware que se infiltra no sistema de um usu√°rio sem o seu conhecimento ou consentimento. Depois que o Trojan √© instalado, ele pode realizar diversas a√ß√Ķes maliciosas, como:

  • Roube dados pessoais, como senhas, n√ļmeros de cart√£o de cr√©dito e endere√ßos de e-mail.
  • Monitore o dispositivo da v√≠tima, espionando a atividade da tela ou fazendo capturas de tela.
  • Espalhe malware no dispositivo da v√≠tima.

Hackear o Telegram com vírus

Os v√≠rus s√£o um tipo de malware que se espalha de um dispositivo para outro. Depois que um v√≠rus for instalado em um dispositivo. No caso do Telegram, os v√≠rus podem ser usados ‚Äč‚Äčpara:

  • Roube as credenciais de login dos usu√°rios, permitindo que os cibercriminosos assumam o controle de suas contas.
  • Envie mensagens maliciosas aos contatos dos usu√°rios, que podem espalhar o v√≠rus para outras pessoas.
  • Danificar ou destruir mensagens, fotos e outros dados dos usu√°rios.

Hackear o Telegram com Spyware

Spyware √© um tipo de software malicioso instalado no dispositivo de um usu√°rio sem seu conhecimento ou consentimento. O principal objetivo do spyware √© coletar dados pessoais do usu√°rio, como senhas, informa√ß√Ķes financeiras e atividades online.

No caso do Telegram, o spyware pode ser usado para coletar os seguintes dados do usu√°rio:

  • Usu√°rio e senha
  • Lista de contatos
  • Hist√≥rico de mensagens
  • Localiza√ß√£o
  • Atividade on-line
  • Credenciais de login de outros aplicativos e servi√ßos

Hackear o Telegram com Adware

O principal objetivo do adware √© exibir an√ļncios ao usu√°rio, mas tamb√©m pode coletar dados pessoais do usu√°rio, como endere√ßo IP, localiza√ß√£o e atividade online.

ūüēĶÔłŹ O adware pode ser usado para coletar os seguintes dados dos usu√°rios:

  • Usu√°rio e senha
  • Lista de contatos
  • Hist√≥rico de mensagens
  • Localiza√ß√£o
  • Atividade on-line

Hackear o Telegram com Ransomware

Ransomware representa uma categoria de software malicioso que, uma vez infiltrado no sistema de um usu√°rio, criptografa seus dados, solicitando um resgate em troca da chave necess√°ria para descriptografar as informa√ß√Ķes afetadas. No contexto do Telegram, esta t√©cnica poderia ser utilizada por cibercriminosos com o objetivo de criptografar mensagens, contatos e outros dados pertencentes aos usu√°rios da plataforma.

Hackear o Telegram com SQL Injection

Para realizar um ataque de inje√ß√£o de SQL, o cibercriminoso deve injetar c√≥digo malicioso em uma entrada de formul√°rio ou par√Ęmetro de consulta. O c√≥digo malicioso pode ser uma consulta SQL simples ou pode ser mais complexo, como um script PHP ou JavaScript.

No caso do Telegram, os cibercriminosos podem utilizar esta técnica para acessar dados dos usuários, como suas mensagens, contatos e outros dados pessoais.

Hackear o Telegram com envenenamento de DNS

A falsificação de DNS é uma técnica de ataque cibernético que envolve o envio de respostas falsas a consultas de DNS. No caso do Telegram, os cibercriminosos podem usar esta técnica para redirecionar os usuários para um site falso que se faz passar pela página de login do Telegram

Hackear o Telegram com roubo de cookies

Cookies s√£o pequenos arquivos que os sites armazenam no navegador do usu√°rio. Esses arquivos s√£o usados ‚Äč‚Äčpara armazenar informa√ß√Ķes sobre as prefer√™ncias do usu√°rio, como idioma, localiza√ß√£o e o conte√ļdo que visualizou.

Os cibercriminosos podem usar o roubo de cookies para obter acesso √†s informa√ß√Ķes armazenadas nos cookies de um usu√°rio. Essas informa√ß√Ķes podem incluir senhas, nomes de usu√°rio, e-mails e informa√ß√Ķes banc√°rias.

Hackear o Telegram com Spoofing

No caso do Telegram, os cibercriminosos podem utilizar esta técnica para enviar mensagens a utilizadores que se passam pelo suporte técnico da aplicação, com o objetivo de obter os seus dados pessoais ou bancários.

Depois que os cibercriminosos obtêm os dados dos usuários, eles podem usá-los para chantageá-los, roubar-lhes dinheiro ou até mesmo assumir o controle de suas contas do Telegram.

Hackear o Telegram com Hijacking

O sequestro ou sequestro é uma técnica utilizada por cibercriminosos para assumir o controle de um sistema, dispositivo ou recurso sem autorização. No caso do Telegram, os cibercriminosos podem usar esta técnica para sequestrar contas de usuários, permitindo-lhes acessar suas mensagens, contatos e outros dados.

Conselhos para manter o meu Telegram seguro

O Telegram possui √≥timos recursos para proteger a privacidade e seguran√ßa dos usu√°rios. Mencionamos as fun√ß√Ķes mais √ļteis para evitar hackeamento de terceiros em sua conta do Telegram.

  • ūüĒí Ative a verifica√ß√£o em duas etapas na plataforma, na se√ß√£o de configura√ß√Ķes, depois seguran√ßa e, em seguida, verifica√ß√£o em duas etapas.
  • ūüĒí Mantenha seu computador protegido por senha, seus bate-papos protegidos por senha e muito mais. O Telegram permite esse recurso para todos os seus usu√°rios.
  • ūüĒí Voc√™ ativa o login e a localiza√ß√£o do Telegram em seus dispositivos, para saber em tempo real quando, onde e de qual dispositivo um terceiro acessa sua conta.
  • ūüĒí Mantenha o aplicativo atualizado para que voc√™ possa receber as √ļltimas not√≠cias de seguran√ßa do Telegram.

Reage:

 Curtir  Eu adoro  Eu me divirto  Fico com raiva  Isso me entristece  Surpreenda-me

Carregando Coment√°rios ...